sábado, 30 de julho de 2011

Camponutus e suas larvas

Camponotus com seus ovos e larvas


Logo surgira as novas operárias.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Odontomachus Começa a Por Ovos

Veja que interessante a minha Odontomachus ainda com suas asas começou a por ovos.
Agora vou ficar na duvida! Será que as Rainha que não arrancaram as asas e eu soltei estavam ou não fecundadas?


Devorou um inseto!


Ofereci também uma gota de agua com mel


quinta-feira, 28 de julho de 2011

Meus Tenébrios

Tenho Sorte para coletar Rainhas Carnivoras (Pachycondyla, Odontomachus e Ectatomma) o que me fez pensar em uma solução para a limentação delas, e a mais "fácil" para mim, é o Tenébrio. Resolvi tentar e veja como estão.


 Estão no 3º Estágio


segunda-feira, 25 de julho de 2011

Pachycondyla

A minha ultima Pachycondyla não estava fecundada. Agora tenho novas esperanças em outra Pachycondyla.







sexta-feira, 22 de julho de 2011

Odontomachus visitante

Uma Rainha Odontomachus buscou abrigo no meu lar.
Ela ainda esta com as asas e espero que ela esteje fecundada!




Você já ouviu falar das “Formigas Pastoras”?

Quem nunca ouviu falar, vai descobrir agora uma amizade muito “comovente” do mundo dos insetos. Os biólogos chamam essa amizade de mutualismo, mas, seja qual for o nome não deixa de impressionar.
Você já deve ter ouvido falar dos pulgões – também conhecidos como afídeos. Eles são insetos da ordem dos Hemipteros (parente das cigarras, cigarrinhas e percevejos) que se alimentam da seiva das plantas, causando um grande estrago. A substância retirada das plantas é rica em açúcar e durante a alimentação, os pulgões acabam eliminando pelo ânus um material adocicado, resultado do excesso de açúcar. Não é segredo para ninguém que as formigas adoram coisas doces e é aí que surge a amizade.
As formigas pastoras tem um comportamento bastante intrigante com os pulgões. Interessada naquele açúcar dispensados pelos pulgões, essas formigas os tratam como “seu gado” e por causa disso, os pulgões são até chamados de “vaca-das-formigas”. A relação é interesseira: Da parte da formiga, para obter o melado produzido, elas acariciam os pulgões com suas antenas. Da parte dos pulgões, são interessados na proteção que as formigas oferecem, principalmente contra as joaninhas, suas maiores inimigas. É uma troca de favores.

A “afeição” é tanta que em locais com inverno rigoroso, Algumas destas espécies de formigas pastoras reúnem e armazenam ovos de afídeos nos seus formigueiros. Na primavera, levam os afídeos recém eclodidos para as plantas que cedem a seiva. em alguns casos, ao saírem para fundar uma nova colônia, as formigas rainhas, levam consigo ovos de pulgão para aí criar um novo enxame. Outra curiosidade é que quando os pulgões enfraquecem muito a planta que é fonte de alimento, as formigas se juntam numa missão: carregar os seus pulgões para uma planta mais forte.
Como há benefício para ambas, trata-se de uma relação de mutualismo entre formigas e pulgões: os pulgões são protegidos dos inimigos naturais e as formigas alimentam-se da melada produzida pelos pulgões.
-
-
fonte

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Os Efeitos do Inverno.

 Por causa do inverno elas não estão se desenvolvendo, os ovos e as pulpas estão se desenvolvendo muito lentamente.